http://journals.ufrpe.br/index.php/geama/issue/feed Revista Geama 2021-08-25T00:43:33+00:00 Prof. Dr. André Felipe Sales revistageama@gmail.com Open Journal Systems <p>A Revista GEAMA é um periódico científico eletrônico aberto, de publicação quadrimestral e gratuito, voltado a divulgar contribuições originais na forma de artigos científicos, revisões de literatura e notas técnicas que sejam inéditos e com caráter relevante e inovador nas áreas das Ciências Ambientais e Biotecnologia. <strong>ISSN: 2447-0740 (Online)</strong></p> <p><strong>Periodicidade: </strong>Quadrimestral: Abril, agosto e dezembro</p> <p><strong>Qualis CAPES 2016: </strong>B3 - Ciências Ambientais; B4 – Geografia; B5 - Ciências Agrárias, Engenharias I e II e Nutrição; C: Química Ambiental.</p> <p><strong>Editor-gerente: </strong>Prof. Dr. André Felipe Sales</p> http://journals.ufrpe.br/index.php/geama/article/view/4312 Monitoramento tecnológico da aplicação de enzimas celulolíticas: panorama mundial e brasileiro 2021-07-09T13:08:34+00:00 Wanessa Braz da Silva wanessa.braz09@gmail.com Rodrigo Lira de Oliveira rodrigolira1@outlook.com Tatiana Souza Porto portots@yahoo.com.br <p>As celulases são enzimas capazes de atuar sobre materiais celulósicos, promovendo sua hidrólise. Estas enzimas apresentam importância na pesquisa a nível acadêmico e industrial devido às suas aplicações que contribuem em vários processos industriais, como nas indústrias de papel e celulose, na produção de bioetanol, na indústria de alimentos, gestão de resíduos, entre outros. Desta forma, o presente trabalho teve como objetivo a realização de um monitoramento tecnológico de patentes sobre aplicações das celulases. Após a coleta de informações nas bases de dados (Lens, Derwent Inovation Index, Espacenet, Patentscope, USPTO e INPI), observou-se que o Derwent apresentou um resultado mais amplo de registro de patentes. A maioria das patentes foi agrupada na área de conhecimento química e entre os depositantes, a empresa Novozymes apresentou a maior quantidade de documentos. Ao avaliar o cenário nacional, verificou-se que a maioria das patentes depositadas no INPI são de depositantes estrangeiros e em termos institucionais, a grande maioria das patentes é proveniente de instituições privadas. Havendo uma necessidade de maior investimento em pesquisa nas universidades e institutos de pesquisa governamentais objetivando fomentar a inovação em aplicações industriais de enzimas, especialmente celulases, que é uma área de grande importância econômica.</p> 2021-08-25T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Revista Geama http://journals.ufrpe.br/index.php/geama/article/view/4554 EDITORIAL DO VOLUME 7 (2), AGOSTO 2021 2021-08-25T00:43:33+00:00 André Felipe de Melo Sales Santos andrefelipeufrpe@outlook.com 2021-08-25T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Revista Geama http://journals.ufrpe.br/index.php/geama/article/view/3368 Caracterização e potencial de degradabilidade natural da manipueira 2021-08-03T19:47:53+00:00 Miriam Cleide Cavalcante Amorim miriamcleidea@gmail.com Mauricio Alves Motta Sobrinho mottas@ufpe.br Alineaurea Florentino Silva alineaurea.silva@embrapa.br Patricia da Silva Barbosa patricia.univasf@gmail.com Paula Tereza De Souza e Silva paula.silva@embrapa.br <p>A produção de farinha de mandioca gera, como efluente, a manipueira. Esta apresenta elevada concentração de matéria orgânica e nutrientes, aspectos que lhe conferem potencial como fonte de bioenergia ou fertilizante. Porém, para seu uso é necessário caracterizar o efluente, por meio de análises físicas, químicas e microbiológicas, para avaliar este potencial, de modo a dimensionar os sistemas, garantindo assim a viabilidade e segurança na sua aplicação. Por conta disso, o objetivo desse estudo foi caracterizar manipueiras oriundas de diferentes casas de farinha e avaliar a biodegradação natural desse efluente, visto que é o tipo de tratamento adotado pela maioria dos produtores. Foram coletadas 17 amostras de manipueira de casas de farinha dos estados de Pernambuco, Bahia e Piauí. As análises realizadas foram DBO<sub>5</sub>, DQO, pH, cianeto, macro e micronutrientes e bactérias heterotróficas. Foi realizado um experimento de degradação natural, que consistiu na digestão da manipueira em três reatores sem refrigeração, em repouso, ao abrigo da luz solar, simulando o que ocorre no campo. Observou-se variabilidade das variáveis físico-químicas, sendo a demanda bioquímica de oxigênio e fósforo as mais relevantes entre as amostras estudadas. Já o estudo da degradação natural revelou baixa eficiência desse tratamento para esse tipo de efluente, sendo necessário estudos de outros tratamentos.</p> 2021-08-25T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Revista Geama http://journals.ufrpe.br/index.php/geama/article/view/3583 Validação estatística dos dados climáticos disponíveis na plataforma Climate-Data.Org para o Estado do Ceará 2021-04-24T00:49:29+00:00 Mirelle Tainá Vieira Lima mirellet.vieira@gmail.com Carlos Wagner Oliveira carlos.oliveira@ufca.edu.br <p>O presente trabalho teve por objetivo validar os dados mensais de temperatura do ar (média, máxima e mínima) e precipitação pluviométrica, disponibilizados pela plataforma Climate-Data Org, por meio da comparação com os dados normais da plataforma do Instituto Nacional de Meteorologia – INMET, para o Estado do Ceará. Elaborou-se um banco de dados contendo a normal climatológica do INMET (1981-2010), junto às médias do site Climate-Data (1982-2012) para os 12 municípios cearenses com estações do INMET. Observou-se que, de acordo com o Climate-Data, a temperatura média do ar dos municípios cearenses vai de 20,9°C a a 27,9 °C, apresentando média geral no estado de 25,93 °C. Enquanto nas estações do INMET, a temperatura média vai de 20,9°C a 27,5°C, com média geral de 26,4°C. A análise estatística utilizada para comparar as duas fontes de dados foi baseada na análise de regressão linear, gerando o coeficiente de correlação (R); no índice “d” de Willmott e no índice “c” de Camargo e Sentelhas. Os dados analisados foram espacializados no Software Qgis 2.18, utilizando-se do método de interpolação Spline. A análise de regressão geral entre os dados de temperatura máxima, mínima e média do INMET e do Climate-Data alcançaram um R²= 0,9668, pela equação Y= 0,5344 -0,99416 x, com intervalo de 95% de confiança. O índice de concordância de Willmott (d) corresponde a 0,986 e o índice “c” a 0,9695. As análises estatísticas apontaram forte correlação entre os dados das estações meteorológicas e os estimados pelo Climate-Data, na área de estudo selecionada. A partir deste trabalho, pôde-se concluir que a espacialização dos dados em ambiente SIG permitiu visualizar as diferenças e lacunas deixadas pelas deficiências de informações climáticas. Bem como, observou-se a carência de estações climáticas nas regiões elevadas do oeste e nas serras próximas ao centro e sul do Estado do Ceará.</p> 2021-08-25T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Revista Geama http://journals.ufrpe.br/index.php/geama/article/view/4136 Viabilidade de misturas de solo laterítico argiloso com cinza do bagaço da cana para construção de estradas rurais 2021-05-04T14:59:52+00:00 Gabriela Oliveira Baracho barachogabriella@gmail.com Natalia de Souza Correia ncorreia@ufscar.br <p>A necessidade da redução do uso de recursos naturais é premissa para o desenvolvimento sustentável, unida a propagação do ideal de construções com a utilização de materiais locais, onde se destaca-se o uso de agrowastes. Estudos com cinzas do bagaço da cana-de-açúcar tem demonstrado potencial viabilidade na substituição parcial de solos naturais para a construção de estradas rurais. Neste estudo, são avaliadas propriedades de um solo laterítico argiloso misturado com cinzas do bagaço da cana (5%, 10%, 15% e 20% em massa de solo seco) por meio de análises físicas, químicas e mecânicas. Foram realizados ensaios de limites de consistência, compactação, resistência à compressão simples (7 e 28 dias), pH, bem como avaliação de retração em amostras compactadas. A adição da cinza reduziu a plasticidade e alterou significativamente os parâmetros de compactação do solo natural. Verificou-se que a cinza promoveu maior resistência ao solo. Quanto ao tempo de cura, verificou-se maiores incrementos de resistência à compressão para 28 dias, confirmando a ação pozolânicas da cinza da cana. Verificou-se tendência de aumento do pH com o acréscimo de cinza e não interferência nas cargas elétricas do solo. Verificou-se que existe uma influência do teor de cinza no desenvolvimento de trincas de dessecação neste solo.</p> 2021-08-25T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Revista Geama http://journals.ufrpe.br/index.php/geama/article/view/4236 Qualidade das águas de fontes alternativas para usos múltiplos no semiárido paraibano 2021-06-30T13:22:52+00:00 Wilza da Silva Lopes wilzasilvalopes@hotmail.com George Rodrigues Lambais george.lambais@insa.gov.br Gleydson Kleyton Moura Nery gleydson.nery@insa.gov.br Antonio Carlos Pires de Mello tunicopatac@yahoo.com.br Salomão de Sousa Medeiros salommao@gmail.com Janiele França Nery janiele.biologa@gmail.com <p>O abastecimento de água e o sistema de esgotamento de populações da zona rural do semiárido brasileiro são em sua grande parte aplicações de soluções alternativas. A utilização de cisternas abastecidas por água de chuva e/ou por açudes ou rios por meio de carros pipas, tornou-se uma das principais formas de provimento de água para essas populações. Como a água disponível é para o suprimento das necessidades básicas das famílias, e como há falta de soluções adequadas para disposição e tratamento dos efluentes, as práticas de reúso de água para agricultura vem a ser uma prática sustentável para as famílias agricultoras. Assim, o trabalho avaliou a qualidade de águas de cisternas e águas cinzas tratadas em propriedades rurais de quatro municípios no semiárido da Paraíba. Para isso, foi aplicado um questionário sobre o sistema de abastecimento e sobre o tratamento da águas cinzas para o reúso, além da coleta e avaliação da qualidade das águas. A água armazenada nas cisternas, não apresentaram qualidade satisfatório para o consumo, conforme o estabelecimento na portaria brasileira. As águas utilizadas na agricultura, apresentaram padrões para uso irrestrito e/ou restrito de acordo com os critérios estabelecidos por normativas internacionais, sendo essa variação resultante da composição e da manutenção dos filtros. Sendo assim, para algumas famílias, é necessário uma adequação entre o efluente gerado e a cultura irrigada.</p> 2021-08-25T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Revista Geama http://journals.ufrpe.br/index.php/geama/article/view/4357 Characterization of cassava wastewaters from the processing of different cassava cultivars 2021-05-29T14:30:28+00:00 Andrezza Grasielly Costa andrezzagrasielly@gmail.com Luciano da Silva Souza lsouza@ufrb.edu.br Francisco Alisson da Silva Xavier alisson.xavier@embrapa.br Alide Mitsue Watanabe Cova alidewatanabe@aluno.ufrb.edu.br Thais Cristina de Souza Lopes thaiscristina13@hotmail.com Fábio Luís Seixas Costa lscosta94@gmail.com <p><em>The present study aimed to determine the attributes of cassava wastewater from different cultivars used for the manufacture of flour in family processing units in the city of São Felipe-BA; and define a nutritional quality indicator for it. For this, the main cultivars used for flour manufacturing by producers in the municipality of São Felipe, Bahia, Brazil, were selected: ‘Salangó Preta’, ‘Cigana’, ‘Platina’, ‘Eucalipto’, ‘Graveto’, ‘Milagrosa’, ‘Cidade Rica’ and ‘Correnteza’. In addition, the cultivars ‘Kiriris’, ‘Formosa’ and ‘Poti Branca’, developed and cultivated by Embrapa Cassava &amp; Fruits, were also evaluated. Cassava wastewaters were obtain by the crushing and pressing of the sampled roots. The attributes sampled were subject to descriptive and multivariate statistics. The attributes of cassava wastewaters showed low and medium variability. The most important attributes to separate the different cultivars, regarding the quality of cassava wastewater, were: potassium, calcium, electrical conductivity, total dissolved solids, phosphorus, and total nitrogen. In view of the strong correlation between attributes K, Ca, EC, and TDS, EC can be consider as a nutritional quality indicator of the cassava wastewaters from different origins in the region.</em></p> 2021-08-25T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2021 Revista Geama