Avaliação do bem-estar animal por meio da caracterização e quantificação de lesões em carcaças de bovinos abatidos em frigorífico exportador no estado de Goiás, Brasil

Autores

  • Rian Carvalho Silva Laboratório de Morfologia e Patologia Animal (LMPA), Centro de Ciências e Tecnologias Agropecuárias (CCTA), Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF), Campos dos Goytacazes- RJ, Brasil
  • Layra Soares Lessa de Pré Laboratório de Morfologia e Patologia Animal (LMPA), Centro de Ciências e Tecnologias Agropecuárias (CCTA), Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF), Campos dos Goytacazes- RJ, Brasil
  • João Nélson dos Santos Morais Neto Laboratório de Morfologia e Patologia Animal (LMPA), Centro de Ciências e Tecnologias Agropecuárias (CCTA), Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF), Campos dos Goytacazes- RJ, Brasil http://orcid.org/0000-0002-4366-3125
  • Thaís Sampaio Ornellas Laboratório de Morfologia e Patologia Animal (LMPA), Centro de Ciências e Tecnologias Agropecuárias (CCTA), Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF), Campos dos Goytacazes- RJ, Brasil
  • Suzane Vitória Freitas Morais Laboratório de Morfologia e Patologia Animal (LMPA), Centro de Ciências e Tecnologias Agropecuárias (CCTA), Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF), Campos dos Goytacazes- RJ, Brasil
  • Francimar Fernandes Gomes Laboratório de Morfologia e Patologia Animal (LMPA), Centro de Ciências e Tecnologias Agropecuárias (CCTA), Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF), Campos dos Goytacazes- RJ, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.26605/medvet-v15n2-2210

Palavras-chave:

manejo, bem-estar, estresse, comportamento, bovino de corte,

Resumo

O presente trabalho teve como objetivos caracterizar e quantificar as lesões de bovinos enviados para abate em um frigorífico localizado na região centro-oeste do estado de Goiás, Brasil, cuja carne é destinada principalmente à exportação. As lesões foram classificadas de acordo com sua extensão e gravidade em: grau 1 - hematoma leve, grau 2 – hematoma intermediário e grau 3 – fratura. A ocorrência de tais lesões foi relacionada a condutas inadequadas de manejo pré-abate no âmbito do estabelecimento sendo para tanto considerados: densidade animal nos currais de espera, deslizamentos e quedas no desembarque, uso de bastão elétrico desde o desembarque até o box de insensibilização e número de vocalizações durante a condução dos animais. Ao final, foi observado que 100% dos animais apresentaram algum tipo de lesão sendo que as mais frequentes foram as de grau 1 (100%) seguidas de 2% de frequência para as lesões de grau 2. Estas foram relacionadas a falhas ocorridas fora do abatedouro frigorífico nas etapas de embarque e transporte tendo em vista que o estabelecimento atendeu os requisitos de boas práticas sob o ponto de vista do bem-estar animal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Andrade, E.N.; Silva, R.A.M.S.; Roça, R.O.; Silva, L.A.C.; Gonçalves, H.C.; Pinheiro, R.S.B. Ocorrência de lesões em carcaças de bovinos de corte no Pantanal em função do transporte. Ciência Rural, 38(7): 1991-1996, 2008.

Bertoloni, W.; Silva, J.L.; Abreu, J.S.; Andreolla, D.L. Bem-estar e taxa de hematomas de bovinos transportados em diferentes distâncias e modelos de carroceria no estado do Mato Grosso - Brasil. Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal, 13(3): 850-859, 2012.

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Instrução Normativa n° 56 de 2008. Disponível em: <https://www.gov.br/agricultura/pt-br/assuntos/sustentabilidade/bem-estar-animal/arquivos/arquivos-legislacao/in-56-de-2008.pdf>. Acesso em: 14 jan. 2021.

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Decreto nº 10.468, de 18 de agosto de 2020. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2020/decreto/d10468.htm>. Acesso em: 14 jan. 2021.

Civeira, M.P.; Renner, R.M.; Vargas, R.E.S.; Rodrigues, N.C. Avaliação do bem-estar animal em bovinos abatidos para consumo em frigorífico do Rio Grande do Sul. Veterinária em Foco, 4(1): 5-11, 2006.

Farm Animal Welfare Council. FAWC updates the five freedoms. Veterinary Records, 31: 357, 1992.

Foz, I. Manejo do pré-abate provoca contusão em 50% dos bovinos. Pecuária de corte, (87): 27-32, 1999.

Grandin, T. Introduction management and economic factors of handling and transport. In: ____. Livestock Handling and Transport. 2nd ed. Wallingford: CABI, 2000. p. 1-14.

Harrison, R. Animal machines: the new factory farming industry. London: Stuart (Vincent) & J.M. Watkins, 1964. 186p.

Jarvis, A.M.; Selkirk, M.S.; Cockram, M.S. The influence of source, sex class and pre-slaughter handling on the bruising of cattle at two slaughterhouses. Livestock Production Science, 43: 215-224, 1995.

Ludtke, C.B.; Ciocca, J.R.P.; Dandin, T.; Barbalho, P.C.; Vilela, J.A. Abate humanitário de aves. Rio de Janeiro: WSPA, 2010. 120p.

Ludtke, C.B.; Ciocca, J.R.P.; Barbalho, P.C.; Dandin, T.; Vilela, J.A.; Ferrarini, C. Abate humanitário de bovinos. 1a ed. Rio de Janeiro: WSPA, 2012. 148p.

Marra, G.C.; Simone, S.C.; Neto, F.P.B.A.; Cardoso, T.A.O. Avaliação dos riscos ambientais na sala de abate de um matadouro de bovinos. Saúde Debate, 41: 175-187, 2017.

Nanni Costa, L.; Lo Fiego, D.P.; Tassone, F.; Russo, V. The relationship between carcass bruising in bulls and behavior observed during pre-slaughter phases. Veterinary Research Communications, 30: 379-381, 2006.

Nascimento, G.R.; Rodrigues, W.B.; Martins, N.E.X.; Dias, F.E.F.; Cavalcante, T.V.; Freitas, F.L.C.; Leira, M.H.; Almeida, K.S. Avaliação do bem-estar animal em bovinos abatidos no Pará. Revista Veterinária em Foco, 6(2): 121-127, 2009.

Peñuela, M.H.R.; Toro, C.G.; Valencia, J.A.S. Evaluación del manejo pre-sacrificio y su relación com la presencia de contusiones em canales bovinas. Biosalud, 10(2): 28-36, 2011.

Petroni, R.; Bürger, K.P.; Gonçalez, P.O.; Rossi, G.A.M.; Vidal-Martins, A.M.C.; Aguilar, C. E.G. Ocorrência de contusões em carcaças bovinas em frigorífico. Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal, 14(3): 478-484, 2013.

Sá, A.P.A.; Santos J.F.; Sousa, E.L.; Santo, E.F.E. Avaliação do bem-estar animal no manejo pré-abate de bovídeos em abatedouros no Amazonas, Brasil. Brazilian Journal of Development, 6(10): 79354-79369, 2020.

Downloads

Publicado

2021-07-06

Edição

Seção

Tecnologia e Inspeção de Produtos de Origem Animal