Influência da remoção de plasma seminal por centrifugação na qualidade de sêmen canino resfriado

Autores

  • Fernanda Almeida Pereira Universidade Federal de Roraima, Boa Vista-RR, Brasil.
  • Fernando Silva Lima Universidade Federal de Roraima, Boa Vista-RR, Brasil.
  • Gabrielle Bianca Alves Nascimento Universidade Federal de Roraima, Boa Vista-RR, Brasil.
  • Luana Souza Silva Universidade Federal de Roraima, Boa Vista-RR, Brasil.
  • Luisa Lima Nantes Oliveira Universidade Federal de Roraima, Boa Vista-RR, Brasil.
  • Poliany Ferreira Marques Universidade Federal de Roraima, Boa Vista-RR, Brasil.
  • Queren Hapuque Sousa Lima Aguiar Universidade Federal de Roraima, Boa Vista-RR, Brasil.
  • Fernanda Carlini Cunha Santos Universidade Federal de Roraima, Boa Vista-RR, Brasil. Líder do Grupo de Pesquisa do Diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq: Repro – Reprodução Animal.

DOI:

https://doi.org/10.26605/medvet-v15n1-3210

Palavras-chave:

efeito mecânico, fração espermática, fração prostática, próstata, refrigerado

Resumo

Durante o resfriamento de sêmen canino, o contato do plasma seminal por longo período com os espermatozoides pode afetar negativamente a composição da membrana plasmática e reduzir a capacidade de fecundação. A centrifugação para remoção do plasma também pode ter influência negativa sobre célula espermática, devido a danos celulares físicos, remoção de fatores inibidores da capacitação e aumento na produção de radicais livres. Diante disso, o objetivo deste trabalho foi avaliar a influência da remoção de plasma seminal por centrifugação na qualidade de sêmen canino submetido a resfriamento. Foram coletados 19 ejaculados de caninos hígidos. Cada ejaculado foi avaliado quanto à qualidade espermática e dividido em dois tratamentos: 1) não-centrifugado: diluição e armazenamento sob resfriamento; 2) centrifugado: diluição, centrifugação a 600 × g por 15 minutos, descarte de sobrenadante, ressuspensão do pellet com diluente e armazenamento sob resfriamento a 5ºC por 48h. As amostras foram avaliadas quanto à motilidade, vigor, integridade de membrana e morfologia, às 24h e 48h de resfriamento. Os dados foram avaliados por estatística descritiva, ANOVA e a comparação entre médias pelo teste de Tukey. Foi verificada diferença significativa (p<0.05) quanto à motilidade às 24h (não-centrifugado 70,2±3,9% e centrifugado 61,9±3,3%); às 48h (59,5±3,9% e 47,6±4,7%, respectivamente) e às 24h quanto a defeitos espermáticos (11,4±0,7% e 14,7±1,2%, respectivamente). Como resultado, as amostras de sêmen canino não submetidas à remoção do plasma seminal por centrifugação apresentaram maior média de motilidade e morfologia normal durante o resfriamento a 5ºC por 48h.

Referências

Carrell, D.T.; Kuneck, P.H.; Peterson, C.M.; Hatasaka, H.H.; Jones, K.P.; Campbell B.F. A randomized prospective analysis of five sperm preparation techniques before intrauterine insemination of husband sperm. Fertility and Sterility, 69(1): 122-126, 1998.

Castelo, T.S.; Bezerra, F.S.; Lima, G.L.; Alves, H.M.; Oliveira, I.R.; Santos E.A.; Peixoto, G.C.; Silva, A.R. Effect of centrifugation and sugar supplementation on the sêmen cryopreservation of captive collared peccaries (Tayassu tajacu). Cryobiology, 61(3): 275-279, 2010.

CBRA. Colégio Brasileiro de Reprodução Animal. Manual para exame andrológico e avaliação de sêmen animal. 3a ed. Belo Horizonte, 2013. 104 p.

Cunha, I.C.N.; Lopes, M.D. Efeito da centrifugação sobre a qualidade do sêmen canino. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia, 61(1): 104-109, 2009.

Elzanaty, S.; Richthoff, J.; Malm, J.; Giwercman, A. The impact of epididymal and accessory sex gland function on sperm motility. Human Reproduction, 17(11): 2904-2911, 2002.

England, G.C.W.; Allen, W.E. Factors affecting the viability of canine spermatozoa II: Effects of seminal plasma and blood. Theriogenology, 37(2): 373-381, 1992.

Gasset, M.; Magdaleno, L.; Calvete, J.J. Biophysical study of the perturbation of model membrane structure caused by seminal plasma protein PDC-109. Archives of Biochemistry and Biophysics, 374(2): 241-247, 2000.

Jasko, D.J.; Hathaway, J.A.; Schaltenbrand, V.L.; Simper, W.D.; Squires, E.L. Effect of seminal plasma and egg yolk on motion characteristics of cooled stallion spermatozoa. Theriogenology, 37(6): 1241-1252, 1992.

Johnston, S.D.; Kustritz, M.V.R.; Olson, P.N.S. Canine and feline theriogenology. 1st ed. Philadelphia: W.B. Saunders, 2001. 592p.

Kawano, N.; Shimada, M.; Terada, T. Motility and penetration competence of frozen-thawed miniature pig spermatozoa are substantially altered by exposure to seminal plasma before freezing. Theriogenology, 61(2-3): 351-364, 2004.

Kenney, R.M.; Berman, R.V.; Cooper, W.L.; Morse, W.L. Minimal contamination techniques for breeding mares: technique and preliminary findings. Proceedings of Annual Convention American Association Equine Practioners, 21: 327-36, 1975.

Love, C.C.; Thompson, J.A.; Brinsko, S.P. et al. Effect of inter-stallion seminal plasma variability on motility, viability, and DNA integrity of cauda epididymal sperm. Animal Reproduction Science, 121: 191, 2010.

Matas, C.; Decuadro, G.; Martínez-Miró, S.; Gadea, J. Evaluation of a cushioned method for centrifugation and processing for freezing boar semen. Theriogenology, 67(5): 1087–1091, 2007.

Monteiro, G.A.; Ramires Neto, C.; Sancler-Silva, Y.F.R.; Oliveira, L.Z.; Aqua, C.P.F.D.; Hartwig, F.P.; Papa, P.M.; Pantoja, J.; Silva, D.F.; Papa, F.O. Efeito da adição de plasma seminal oriundo de animais de alta e baixa fertilidade na criopreservação de espermatozoides da cauda do epidídimo e do ejaculado de garanhões subférteis. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia, 71(3): 752-760, 2019.

Prakash, P.; Leykin, L.; Chen, Z.; Toth, T.; Sayegh, R.; Schiff, I.; Isaacson, K. Preparation by differential gradient centrifugation is better than swim-up in selecting sperm with normal morphology (strict criteria). Fertility and Sterility, 69(4): 722-734, 1998.

Rota, A.; Ström, B.; Linde-Forsberg, C. Effects of seminal plasma and three extenders on canine semen stored at 4°C. Theriogenology, 44(6): 885-900, 1995.

Sharma, R.K.; Vemulapalli, S.; Kohn, S.; Agarwal, A. Effect of centrifuge speed, refrigeration medium, and sperm washing medium on cryopreserved sperm quality after thawing. Archives of Andrology, 39(1): 33-38, 1997.

Sieme, H.; Martinsson, G.; Rauterberg, H.; Walter, K.; Aurich, C.; Petzold, R.; Klug, E. Application of techniques for sperm selection in fresh and frozen-thawed stallion semen. Reproduction in Domestic Animals, 38(2): 134-140, 2003.

Vianna, S.A.B.; Souza, G.V.; Fagundes, B.; Fonseca, C.W.; Maeda, M.; Guimarães, M.C.; Matta, M.F.R.; Matta, G.G.F.; Tilburg, M.F.; Silva, J.F.S. Influência do plasma seminal na congelabilidade de sêmen equino. Revista Brasileira de Reprodução Animal, 26(0): 179-181, 2002.

Treulen, F.; Sánchez, R.; Risopatrón, J. Effects of seminal fluid fractions on plasma and acrosome membrane integrity and mitochondrial membrane potential determined by flow cytometry in chilled canine spermatozoa. Reproduction in Domestic Animals, 47(6): 1043-1048, 2012.

Troedsson, M.H.T.; Desvousges, A.S.; Alghamdi, A.S.; Dahms, B.; Dow, C.A.; Hayna, J.; Valesco, R.; Collahan, P.T.; Macpherson, M.L.; Pozor, M., Buhi, W.C. Components in seminal plasma regulating sperm transport and elimination. Animal Reproduction Science, 89(1-4): 171-186, 2005.

Downloads

Publicado

2021-04-07

Edição

Seção

Reprodução Animal