O Equilíbrio entre Design de Games e o Design Instrucional no Desenvolvimento de um Game Pedagógico

Tiago Rodrigues dos Reis, Rayane Kellye Pereira Ribeiro, Hawbertt Rocha Costa

Resumo


Tendo em vista a necessidade de atualização do conteúdo de Química em prol de aulas mais dinâmicas que contextualizem os ensinamentos ao cotidiano para a formação de cidadãos reflexivos, diante das problemáticas sociais, tecnológicas, econômicas e políticas, o presente trabalho faz uma análise dos elementos essenciais do design de games, principalmente os já existentes nos jogos comerciais, para poder ressaltar sua importância no desenvolvimento do game pedagógico intitulado “Planeta Química: uma aventura no cotidiano”, sendo esses elementos aplicados em equilíbrio com design instrucional em uma abordagem CTSA. Será discutido como se deu a origem do jogo, as dificuldades enfrentadas na sua produção e a influência dos autores Lemes (2009), Mattar (2010) e Rogers (2012) na construção e melhoria do enredo, game-play e interface interativa. Além de relatar as experiências obtidas com: a aplicação do jogo em uma Feira de Profissões, para contextualizar o processo de formação da chuva ácida; exposição do jogo em uma escola de ensino fundamental da zona rural do município de Bacabal – MA e na aplicação de uma sequência didática, utilizando o jogo, para o estudo das funções inorgânicas em uma escola do município de São Luís – MA. Dessa maneira, os resultados mostram que o jogo “Planeta Química” contemplou satisfatoriamente o equilíbrio entre o design de games e o design instrucional, o que ficou claro nos play-testes de aplicação e possivelmente o jogo pode contribuir como uma ferramenta sociocultural para o ensino de Ciências/Química de forma significativa.


Palavras-chave


Design de games; Jogo didático; Ensino de química.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Tiago Rodrigues dos Reis, Rayane Kellye Pereira Ribeiro, Hawbertt Rocha Costa