Qualidade das águas de fontes alternativas para usos múltiplos no semiárido paraibano

Autores

Resumo

O abastecimento de água e o sistema de esgotamento de populações da zona rural do semiárido brasileiro são em sua grande parte aplicações de soluções alternativas. A utilização de cisternas abastecidas por água de chuva e/ou por açudes ou rios por meio de carros pipas, tornou-se uma das principais formas de provimento de água para essas populações. Como a água disponível é para o suprimento das necessidades básicas das famílias, e como há falta de soluções adequadas para disposição e tratamento dos efluentes, as práticas de reúso de água para agricultura vem a ser uma prática sustentável para as famílias agricultoras. Assim, o trabalho avaliou a qualidade de águas de cisternas e águas cinzas tratadas em propriedades rurais de quatro municípios no semiárido da Paraíba. Para isso, foi aplicado um questionário sobre o sistema de abastecimento e sobre o tratamento da águas cinzas para o reúso, além da coleta e avaliação da qualidade das águas. A água armazenada nas cisternas, não apresentaram qualidade satisfatório para o consumo, conforme o estabelecimento na portaria brasileira. As águas utilizadas na agricultura, apresentaram padrões para uso irrestrito e/ou restrito de acordo com os critérios estabelecidos por normativas internacionais, sendo essa variação resultante da composição e da manutenção dos filtros. Sendo assim, para algumas famílias, é necessário uma adequação entre o efluente gerado e a cultura irrigada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

George Rodrigues Lambais, Instituto Nacional do Semiárido

Doutor em Química na Agricultura e Ambiente. Pesquisador do Núcleo de Recursos Hídricos do Instituto Nacional do Semiárido (INSA)

Gleydson Kleyton Moura Nery, Instituto Nacional do Semiárido

Mestre em Ecologia e Conservação. Pesquisador do núcleo de Recursos Hídricos do Instituto Nacional do Semiárido (INSA).

Antonio Carlos Pires de Mello, ONG PATAC

Integrante da Coordenação de Gestão Institucional do Programa de Aplicação de Tecnologias Aplicadas (PATAC). Coordenador do Programa Manejo da Agrobiodiversidade do Patac

Salomão de Sousa Medeiros, Instituto Federal da Paraíba

Doutor em Recursos Hídricos e Ambientais pela Universidade Federal de Viçosa. Atualmente está a disposição do Polo de Inovação do Instituto Federal da Paraíba (IFPB)

Janiele França Nery, Instituto Nacional do Semiárido

Doutora em Ciências Ambientais. Pesquisadora do Núcleo de Recursos Hídricos do Instituto Nacional do Semiárido (INSA).

Referências

APHA - AMERICAN PUPLIC HEALTH ASSOCIATION. Standard Methods for the Examination of Water and Wastewater. Washington, 22nd Edition. 2012.

ASA. ARTICULAÇÃO SEMIÁRIDO BRASILEIRO. Dados gerais. Disponível em: <https://www.asabrasil.org.br/mapatecnologias/> Acesso em 23 de novembro de 2020.

BAKARE, B. F.; MTSWENI, S.; RATHILAL, S. Characteristics of greywater from different sources within households in a community in Durban, South Africa. Journal of Water Reuse and Desalination, v. 7, n. 4, p. 520-528, 2017.

BRASIL. MINISTÉRIO DA SAÚDE. Fundação Nacional de Saúde (FUNASA). Programa Nacional de Saneamento Rural / Ministério da Saúde, Fundação Nacional de Saúde. – Brasília: Funasa, 260 p., 2019.

BRASIL. MINISTÉRIO DA SAÚDE. PORTARIA DE CONSOLIDAÇÃO Nº 5, DE 28 DE SETEMBRO DE 2017. Disponível em: <https://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2018/marco/29/PRC-5-Portaria-de-Consolida----o-n---5--de-28-de-setembro-de-2017.pdf>. Acesso em 03 de novembro de 2020a.

BRASIL. MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE. CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE. Resolução n° 359 de 29 abril 2005. Brasília: Governo Federal, 2005. Disponível em: <http://www2.mma.gov.br/port/conama/legiabre.cfm?codlegi=463>. Acesso em 03 de novembro de 2020b.

CETESB - Companhia Ambiental do Estado de São Paulo. Efluentes e lodos fluidos de indústrias cítricas - Critérios e procedimentos para aplicação no solo agrícola. Norma Técnica P4-002, 1ª Edição, 20 p., 2010.

COEMA - Conselho Estadual de Meio Ambiente (COEMA). Resolução n°2, de 2 de fevereiro de 2017. Dispõe sobre padrões e condições para lançamento de efluentes líquidos gerados por fontes poluidoras, revoga as Portarias SEMACE nº 154, de 22 de julho de 2002 e nº 111, de 05 de abril de 2011, e altera a Portaria SEMACE nº 151, de 25 de novembro de 2002.

DOMBROSKI, S. A. G.; SANTIAGO, F. S.; JALFIM, F. T.; DIAS, I. C. G. M. Eficiência de tratamento de água cinza pelo bioágua familiar. In: 7º Encontro Internacional de Águas, 7, 2013, Recife: Universidade Católica de Pernambuco, 2013.

EMBRAPA. Poder Calorífico do Capim-Elefante para a Geração de Energia Térmica/ Anderson Carlos Marafon... [et al.] - Aracaju: Embrapa Tabuleiros Costeiros (Boletim de Pesquisa / Embrapa Tabuleiros Costeiros), 28 p., 2016.

FARTO, C. D.; SILVA, T. C. Avaliação comparativa da qualidade de água de chuva e oriunda de açudes armazenadas em cisternas no semiárido do estado da Paraíba. Revista DAE, v. 68, n. 223, p. 112-123, 2020.

FIGUEIREDO, I. C. S.; COASACA, R. L.; DUARTE, N. C.; MIYAZAKI, C. K.; LEONEL, L. P.; SCHNEIDER, J.; TONETTI, A. L. Fossa Séptica Biodigestora: avaliação crítica da eficiência da tecnologia, da necessidade da adição de esterco e dos potenciais riscos à saúde pública. Revista DAE, v. 67, n. 220, p. 100-114, 2019a.

FIGUEIREDO, I. C. S.; DUARTE, N. C.; COASACA, R. L.; MAGALHÃES, T. M.; BARBOSA, A. C.; PORTELA, D. G.; MADRID, F. J. P. L.; OLIVEIRA CRUZ, L. M. O.; TONETTI, A. L. Águas cinzas em domicílios rurais: separação na fonte, tratamento e caracterização. Revista DAE, v. 67, n. 220, 2019b.

HAGEMANN, S. E.; GASTALDINI, M. DO C. C. Variação da qualidade da água de chuva com a precipitação: aplicação à cidade de Santa Maria – RS. Revista Brasileira de Recursos Hídricos, v. 21, n. 3, p. 525-536, 2016.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Censo 2010. Disponível em: <http://censo2010.ibge.gov.br/>. Acesso em 17 de setembro de 2020.

LAMBAIS, G. R.; MELO, M.; MELLO, A.; AFONSO, M.; BARBOSA, R. A.; MEDEIROS, S. S. Monitoramento microbiológico de águas residuárias para produção agroecológica: uma ferramenta de segurança sanitária do reuso agrícola no semiárido brasileiro. In: XI Congresso Brasileiro de Agroecologia, 2020, Aracajù. Anais do XI Congresso Brasileiro de Agroecologia, São Cristóvão, Sergipe, v. 15, 2020a.

LAMBAIS, G. R.; NERY, J. F.; LIMA, M. A. N.; MELLO, A. C. P.; MEDEIROS, S. S. Tecnologia social de tratamento de água cinza para reúso agrícola na zona rural de municípios do Cariri e Seridó paraibano. Abordagens tecnológicas e sociais no Nordeste Brasileiro/ Organizadores: Isaac Araújo Gomes... [et al.]. -Bananeiras: Gepra Editora e Eventos científicos, 2020b.

MARQUES, F. R.; IDE, W.R.; PAULO, P. L. Patógenos em aguas residuárias: Revisão. Revista AIDIS de Ingeniería y Ciencias Ambientales: Investigación, desarrollo y práctica, v. 11, n. 2, p. 167-181, 2018.

MAYER, M. C.; MEDEIROS, S. S.; BATISTA, M. M.; BARBOSA, R. A.; LAMBAIS, G. R.; SANTOS, S. L.; VAN HAANDEL, A. Tratamento de esgoto na zona rural visando ao reúso agrícola no semiárido brasileiro. Revista DAE, v. 69, n 229, p. 104-114, Ed. Especial, 2021.

MEDEIROS, S. S.; SALCEDO, I. H.; SANTOS, D. B.; BATISTA, R. O.; SANTOS JUNIOR, J. A.; LIMA, R. C. C.; PEREZ-MARIN, A. M. Esgotamento Sanitário: Panorama para o Semiárido Brasileiro. 1. ed. Campina Grande: Instituto Nacional do Semiárido, v. 1. 63p, 2014.

MEDEIROS, S. S. Estabelecimentos Agropecuários do Semiárido Brasileiro. 1º ed. Campina Grande: Instituto Nacional do Semiárido, 149 p., 2018.

NERY, J. F.; NERY, G. K. M.; MELO, M. N.; MEDEIROS, S. S. Águas Inseguras? Monitoramento da qualidade da água estocada em cisternas no semiárido paraibano. Revista Principia, n. 54, p. 113-120, 2021.

NOUTSOPOULOS, C.; ANDREADAKIS, A.; KOURIS, N.; CHARCHOUSI, D.; MENDRINOU, P.; GALANI, A.; MANTZIARAS, I.; KOUMAKI, E. Greywater characterization and loadings e Physicochemical treatment to promote onsite reuse. Journal of Environmental Management, v. 216, n. 15, p. 337-346, 2018.

OLIVEIRA, A. P. S.; PINHEIRO, E. F. M.; CAMPOS, D. V. B. Avaliação do Tratamento da Água Residuária da Suinocultura Utilizando Filtro Orgânico Constituído de Bagaço de Cana-deAçúcar. Revista Virtual de Química, v. 9, n. 5, p. 1970-1984, 2017.

PODANI, J. Extending Gower's general coefficient of similarity to ordinal characters. Taxon 48:331-340, 1999.

PORTO, B. B.; SALES, B. M.; REZENDE, S. Saneamento básico em contextos de agricultura familiar. Revista DAE, v. 67, n. 220, p. 52-68, 2019.

RICHARDS, L. A. Diagnosis and improvement of saline and alkali soils. Washington D.C., U.S. Salinity Laboratory, USDA Agriculture Handbook, 60, p. 160, 1954.

SANTIAGO, F. DOS S.; et al. Bioágua familiar: reúso de água cinza para a produção de alimentos no Semiárido, Edição do projeto Dom Helder Camara/SDT/MDA, p. 24, Recife, 2012. Disponivel em <https://www.sebrae.com.br/Sebrae/Portal%20Sebrae/UFs/RN/Anexos/Semiarido-Reuso-de-aguas-cinzas.pdf>.

SANTIAGO, F. et al. Manual de implantação e manejo do sistema bioágua familiar. Caraúbas: ATOS, 2015. 194 p.

SANTOS, M. A. F.; COSTA, V. S. O.; GOMES, E. T. A.; GALVINCIO, J.D. Percepção ambiental: reflexões sobre o semiárido baiano. Rev. Bras. Geogr. Física 12, 1904–1912, 2019.

SANTOS, C. F., GUEDES MAIA, Z. M., STRADIOTTO SIQUEIRA, E., & ROZENDO, C. A contribuição da Bioágua para a segurança alimentar e sustentabilidade no Semiárido Potiguar brasileiro. Sustainability in Debate/Sustentabilidade em Debate, 7(3), 100-113, 2016.

SILVA, E. A. A.; SILVA, F. E.; SILVA, M. E. L.; ASSUNÇÃO, M. S. L. Eficiência do sistema Bioágua no tratamento de águas cinzas. In: V Congresso Brasileiro dos Engenheiros Sem Fronteiras, Natal, 2018.

U.S. Environmental Protection Agency. Guidelines for Water Reuse, EPA/600/R12/618, p. 643, 2012.

VON SPERLING, M. Introdução à Qualidade das Águas e ao Tratamento de Esgotos (Princípios do Tratamento Biológico de Águas Residuárias; vol. 1). Belo Horizonte: DESA-UFMG, 452p. 2005.

WHO, 2006. Guidelines for the Safe Use of Wastewater, Excreta and Greywater. World Health Organization, Geneva.

Downloads

Publicado

2021-08-25

Edição

Seção

ARTIGOS